19 de janeiro de 2008

Eleição do 29º Superior Geral SJ

Na fotografia o P. Kolvenbach entrando com os eleitores na sala onde decorrerá a eleição.

Começou esta manhã em Roma a eleição do 29º Geral da Companhia de Jesus. Depois de quatro dias de oração, reflexão e troca de informação ("murmurações"), os 217 eleitores da Congregação Geral 35 irão eleger o sucessor de Sto. Inácio de Loyola. O dia começou às 8h00 com a Missa do Espírito Santo. Já na sala na onde decorrerá a eleição, os eleitores recitaram o Veni Creator Spiritus, ao que se seguiu uma exortação e um tempo de oração individual. Neste momento as votações deverão estar a decorrer.

Sto Inácio deixou nas Constituições (parte XIX) as características e qualidades que se devem encontrar no Superior Geral da Companhia de Jesus. A fasquia é bem elevada, mas é certamente alguém com um perfil parecido a este que os eleitores estão a tentar encontrar:

« 1. A primeira das qualidades, que são para desejar no Prepósito Geral, é uma grande união e familiaridade com Deus Nosso Senhor (...).

2. A segunda, que seja homem que, pelo exemplo de todas as virtudes, ajude a todos os da Companhia. Nele deve resplandecer principalmente a caridade para com o próximo, e em particular para com a Companhia, assim como a verdadeira humildade, que o tronem amável, tanto a Deus como aos homens.

3. Deve também estar livre de todas as paixões, tendo-as dominadas e mortificadas para que interiormente não lhe perturbem o juízo da razão, e exteriormente seja tão senhor de si que (...) não possam notar nele coisa alguma desedificante, nem sequer uma palavra.

4. Saiba, contudo, fundir tão bem a necessária rectidão e severidade com a benignidade e mansidão, que nunca se deixe dobrar diante do que julgar ser mais agradável a Deus Nosso Senhor (...).

5. São-lhe igualmente muito necessárias a magnanimidade de alma e a fortaleza para suportar as fraquezas de muitos (...).

6. (...) que seja dotado de grande inteligência e juízo, para que não lhe falte talento para as questões especulativas nem para as questões práticas que ocorrem. Todavia ainda mais necessária [que a ciência] lhe são a prudência e a experiência nas coisas espirituais e interiores, para discernir os diversos espíritos, para dar conselho e remédio a tantas pessoas em seus problemas espirituais.

(...)

10. Finalmente, deve ser dos homens mais eminentes em todas as virtudes, e dos de mais merecimentos dentro da Companhia, conhecido por tal desde longo tempo. Se faltassem algumas das qualidades acima mencionadas, não lhe falte ao menos uma grande bondade e amor à Companhia, e juízo recto com boas letras. Quanto ao resto, pode em grande parte, com o auxílio e favor divino, ser suprido por aqueles que tem consigo para o ajudarem (...).»

5 comentários:

Marcos disse...

Fiquei interessado pelas qualidades necessárias que não foram contidas no post. A passagem do 6 para o 10 estimula a curiosidade por aquilo que é ocultado.
O novo Geral da Companhia parece ter feito um percurso semelhante ao do Padre Pedro Arrupe, será que se procura continuar nos caminhos ou sendas de outros tempos?

Bruno disse...

Caro Marcos,
Muito obrigado pelo teu interesse. Não escrevi na mensagem a lista completa das "qualidades que deve ter o Prepósito geral" porque não queria publicar um texto demasiado longo. Os pontos 1 a 6 e 10 também não estão completos, embora não tenha sido omitida a ideia principal.

Dado o teu interesse, que pode ser também o interesse de outros visitadores do nosso blog, aqui ficam as qualidades descritas nos pontos 7, 8 e 9, e desta vez sem cortes.

«7. A quarta, é muito necessária para a execução e é que seja vigilante e cuidadoso para empreender obras, e enérgico para as levar a cabo com perfeição, sem negligências nem fraquezas que lhe façam deixar imperfeito e por acabar aquilo que começou.

8. A quinta é de ordem física. Quanto à saúde, à apresentação externa e à idade, deve-se ter em conta, por um lado a dignidade e a autoridade, por outro, as forças físicas requeridas pelo cargo, a fim de poder desempenhar-se dele para maior glória de Deus Nosso Senhor.

E, assim, parece que não convém uma idade muito avançada, porque de ordinário, já não é adaptada aos trabalhos e preocupações deste cargo. Nem tão pouco uma idade demasiado juvenil, porque normalmente é desprovida de autoridade e experiência suficientes.

9. A sexta, refere-se aos dons exteriores, entre os quais hão-de preferir-se os que em tal cargo mais concorrem para a edificação e o serviço de Deus Nosso Senhor. Tais são, de ordinário, a estima e o bem nome; e das outras coisas, tudo o que favorece a autoridade, tanto com os de fora como com os de dentro».

Bruno disse...

Agora quanto ao P. Adolfo Nicolás. Existe de facto alguma semelhança entre os percursos do P. Arrupe e do novo P. geral eleito. Não me parece, todavia, que se tivesse procurado uma cópia do P. Arrupe. Mas certamente que se espera que o P. Nicolás tenha o rasgo do P. Arrupe, a sua capacidade de ler os sinais dos tempos, a sua audácia, o seu amor à Igreja e à Companhia, o seu desejo de que os jesuítas sejam fiéis aos carisma de Sto Inácio.
Pelas notícias que vão chegando, julgo poder afirmar que o novo Geral está com os olhos postos no futuro. «A minha esperança», afirma o P. Nicolás numa entrevista a que respondeu antes de ser Geral, «é que na CG35» iniciemos um processo de reflexão dinâmica e aberta sobre a nossa vida religiosa que possa dar início a um processo de recriação da Companhia para os nossos tempo, não apenas na qualidade dos nossos serviços, mas, principalmente, no que diz respeito ao nosso comprometimento com a Igreja e com o mundo». Também no texto «Perfil do novo P. geral», alguns "posts" acima, podes encontrar algumas indicações sobre o que poderemos esperar deste generalato.
Finalmente, se me perguntas se continuamos na senda aberta pelo P. geral e reafirmada pelo P. Kolvenbach, dir-te-ia que sim.

Caro Marco, por agora é tudo. terei muito gosto em responder a outras questões que queiras fazer.

Bruno

Bruno disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,