29 de novembro de 2012

Beato Bernardo de Hoyos


Foi o primeiro divulgador do culto ao Coração de Cristo em Espanha, devoção católica hoje um pouco mais esquecida. E, ainda que esquecida, cheia de atualidade. Esta devoção coloca o seu centro na procura da sinceridade no ponto de partida de cada ação, de encontrar no seguimento de Cristo a capacidade para ver, cheirar, tocar, saborear o mundo de uma forma completamente nova; ser capaz de transformar o que estou a viver, fazendo com que tudo me vá aproximando de Deus e dos seus benevolentes sentimentos perante o Mundo.

3 comentários:

Alberto Fernández del Palacio disse...

E era de Torrelobatón, histórica vila de Valladolid!

Anónimo disse...

E que milagre é que ele fez?

Anónimo disse...

É esta a eternidade prometida? Ficar oblívio, enterrado no meio de milhares de posts no meio de milhões de blogs no meio de Biliões de páginas web... afinal era essa a alma dele? A verdade? Quero lá saber... foi mais uma pobre alma, esquecida e recriada pela memória traiçoeira e enviesada... é grande eternidade que vos espera?